[Trama principal: O traidor- Ato 1 -parte 2 - Causa da morte]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Mensagem por The Saint em Ter Set 19, 2017 12:11 pm









EXP

Atualização



Sistema de experiência atualizado hoje!
Agora vocês podem ganhar até 500 de experiência por dia :>
Bom, estou avaliando o segundo post do Hidra e os dois posts do Lince.
Mike demonstrou estar bem atento ao que acontece e o ambiente. Sua narração foi boa e coerente com o que está sendo descrito, e a personalidade do player:
+350 de experiência!

Embora um pouco atrás de seu companheiro, Lince está tentando ao máximo conseguir respostas para a missão que lhe foi dada. Aconselho a tentar se acalmar na hora de descrever momento, e não se "embolar" nas palavras!
+150 de experiência pro primeiro post.
+150 de experiência para o segundo post.




Made by Lexiel@Sugar Avatar& Aglomerado
Mensagens : 106

Ficha
VIDA:
100/100  (100/100)
COSMO:
100/100  (100/100)
Nível: 1

Pontos : 328

Ficha
VIDA:
100/100  (100/100)
COSMO:
100/100  (100/100)
Nível: 1

Data de inscrição : 25/12/2014

Ficha
VIDA:
100/100  (100/100)
COSMO:
100/100  (100/100)
Nível: 1

Ver perfil do usuário http://nclrpg.forumeiros.com
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Peixes em Qua Set 20, 2017 4:53 pm
Seguindo...
Duas estrelas...

Ao se revelar, peixes demonstrou uma presença ameaçadora. Ele esperava que os jovens sentiriam medo, que suas pernas tremeriam e tão rápido quanto um piscar de olhos eles iriam sair da casa de peixes.
Mas não.
Eles permaneceram lá, pelo motivo da sua missão, não importando se um Ser imensuravelmente mais forte que eles estava aparentemente os ameaçando. Eles continuaram, e começaram a falar sobre a sua vinda. Era compreensível...
-Como vocês querem obter uma amostra do sangue do Grande Mestre? Imagino que não queiram profanar o seu Túmulo...
Com a sua fala, a luz começa adentrar a casa. Na verdade, rosas estavam cobrindo as entradas para a luz. Assim que o salão fica claro o odor das rosas fica mais brando.
- Hahahahaha...-
Uma risada leve. O cavaleiro de peixes começou a rir logo após ter falado sobre o grande mestre. Talvez isso pudesse gerar desconfiança para os Bronzes, mas...
- Brincadeira, Jovens. Na verdade, eu tenho algumas amostras do Sangue dele.- Ele fala isso andando para onde guardou as amostras.
- Não tive tempo de analisar... Ainda estava pensando como lidaria com isso enquanto tenho que defender essa casa. -
Andando lentamente até a direção dos cavaleiros com um sorriso meigo no rosto, peixes antes estava com receio de confiar naqueles cavaleiros. Contudo, a determinação deles à procurar respostas para o desaparecimento de Atena mesmo diante da morte o fez confiar neles.
- Vocês dois... - Uma pausa é feita para erguer o braço que estava com o sangue do Grande Mestre.
- Ganharam a minha confiança. Agora, esta é a minha missão. Esse veneno não foi feito na Grécia, por uma pequena observação que fiz. Ele, na verdade, é da frança, minha terra natal. Vocês devem ir para lá, identificar quem o fez e quem o comprou. O Grande Mestre já resistiu a alguns venenos mais leves meus, eu dei resistência a esse tipo de intoxicação a todos os Dourados, então não é qualquer tipo de veneno que o mataria.
Ele vira de costas, sinalizando que a conversa com eles estava acabando.
- Investiguem isso. Já não é mais possível para mim. Boa sorte, Cavaleiros.É provável que perigos lhe aguardem.

Missão:
Investigar a origem do veneno que matou o Grande Mestre, em Paris na França.
Bônus de conclusão: +800 de experiência.

Mensagens : 42

Ficha
VIDA:
2000/2000  (2000/2000)
COSMO:
2000/2000  (2000/2000)
Nível: 5

Pontos : 68

Ficha
VIDA:
2000/2000  (2000/2000)
COSMO:
2000/2000  (2000/2000)
Nível: 5

Data de inscrição : 28/12/2014

Ficha
VIDA:
2000/2000  (2000/2000)
COSMO:
2000/2000  (2000/2000)
Nível: 5

Ver perfil do usuário
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Mike de Hidra em Qua Set 20, 2017 6:36 pm




Documento sem título



As primeiras provas


 
 
  "Um Sábio aprende mais com seu inimigo do que um tolo com seu amigo" -Nikki Lauda

 
Logo veio o cavaleiro de ouro, com sua armadura reluzente e um senso de humor incomum na hora errada, mas aquela risada.... Sim, aquela risada queria dizer mais do que apenas uma piada feita fora de hora, que especie de homem se divertiria com uma “violação” do corpo de alguem? Pequenos gestos que chamavam a atençao de Mike, mas o mesm permanecia em silencio, não seria burro de desafiar alguem sem provas concretas, principalmente aquele tipo de alguem.
Mike observava tudo no cavaleiro, tudo o que dizia, os gestos que fazia, cada movimentação no musculo de sua face, olhos, tom de voz... Definitivamente a mente começava a ferver em milhões de teorias que pudesse explicar o comportamento daquele cavaleiro, cada um tem sua forma de demonstrar dor.
Mas ele... Peixes...
Era pitoresco sua maneira, ou era um grande homem que sofria em silencio e tentava não demonstrar fraqueza diante de um cavaleiro de baixa patente ou era um verdadeiro sociopata o que significava que para Mike, quanto menos falasse era bem melhor para garantir sua sobrevivência e ter chance de luta, mas veio a informação inesperada, porém perigosa. Um veneno da terra natal do cavaleiro que manipula veneno com maestria.
O coraçao de Mike começava a disparar a cada informação que recebia, sua mente gravava cada ponto curioso do que ouvia e procurava ao maximo não rebolar nenhuma reação fisica, uma investigação é como um jogo de Poker, quem souber ler o outro vence, não pretendia mostrar as cartas dessa maneira, apenas pegou as amostras de sangue que estavam nas maos do cavaleiro e o olhou nos olhos diretamente.
-Obrigado, senhor. .
O cavaleiro pegou o frasco das maos de seu superior e segurou com cuidado para nap ter chances de cair ou causar alguma contaminação na amostra, discretamente deu dois toques com os dedos indicadores e médio esquerdo no cotovelo direito do “Garoto do café” sinalizando que era hora de ir, brevemente dobrou os joelhos inclinando-se a frente fazendo uma reverencia de despedida do cavaleiro de Peixes e começou a ae afastar dando os primeiros passos de costas para a porta para não perder contato visual com ele, assim que se virou para a porta e tornou a caminhar ate a saída da casa, permaneceu calado como se soubesse que estava sendo vigiado de alguma forma.
Entao desceu mais um pouco a escada, entao quando fora dos lances da escadaria que levava ate a casa de peixes, na metade do caminho entre a aquela casa e a casa de Aquário se aproximou do “Garoto do Café” o suficiente para que os rostos ficassem lado a lado e pudessem conversar o mais inaudível possivel ate mesmo para espiões que pudessem ter ali.
-Não sei se podemos confiar nele. Portanto, vamos nos dividir... Procure o cavaleiro de Unicórnio e vá para a França com ele, eu irei ate a casa de Aquário continuar a investigação e depois analisarei o sangue, se algo acontecer comigo sabe o que fazer, além disso, cuidado.... Pode haver armadilhas na França.
Não esperou a resposta ou possivel objeçao do garoto, não tinha esse tempo, agora ele podia tomar seu café e continuar sua jornada, enquanto Mike ia se arriscar na casa de Aquário, se ele tambem fosse suspeito, saberia ali, mas precisava analisar o corpo do Grande Mestre e a cena do crime de qualquer forma e quem quer que tentasse impedir isso seria lido comp traidor.

Made by Mary'


Mensagens : 13

Ficha
VIDA:
500/500  (500/500)
COSMO:
500/500  (500/500)
Nível: 2

Pontos : 25

Ficha
VIDA:
500/500  (500/500)
COSMO:
500/500  (500/500)
Nível: 2

Data de inscrição : 04/01/2015

Ficha
VIDA:
500/500  (500/500)
COSMO:
500/500  (500/500)
Nível: 2

Ver perfil do usuário
avatar
Cavaleiro de Bronze

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Thynos de Lince em Qui Set 21, 2017 6:22 am
O chamado do Santuário
"Cruéis aqueles que não possuem a justiça em seus corações".




Por momentos pensei que o Cavaleiro de Peixes poderia ser uma ameaça, mas ele conquistou um pouco da minha confiança com seu jeito de agir e de falar, era engraçado como se comportava, talvez por causa da situação atual, não parecia sofrer, mas poderia ser alguém como eu. Levei minhas mãos a cabeça na parte de trás e fiquei a espera Mike resolver as coisas com ele, apenas observei o jeito de cada um, talvez podesse confiar em algum deles. "Não devem ser suspeitos... Vai ver que o causador disto nem esteja entre nós" pensei para comigo mesmo.

Os frascos de sangue eram interessantes e isso me fazia pensar que o cavaleiro já havia procurado por algo, mas sem sucesso, claro era vez de nós continuamos oque ele começou, mas ainda assim me intrigava a causa da morte e contudo que falou o Cavaleiro da última casa, deixava as coisas ainda mais complexa. Para minha felicidade não demoramos muito, não baixei minha guarda, mas fiquei mais descontraído na hora de deixarmos a casa de Peixes, diferente de alguém do meu lado.

Por um momento achei que ficaria o tempo todo sem conversar, mas Mike resolveu abrir sua boca. Logo após ele ter terminado de falar, não pude resistir a uma gargalhada. - Relaxa Hidra! - respondi dando um leve tapa em seu ombro. - O Cavaleiro de Peixes não é ameaça... Mas me intrigou uma coisa que ele havia nos contado... - pausei um pouco para deixar o meu companheiro mais nervoso que o normal. - Se o Grande Mestre e todos os outros Cavaleiros tem um sistema imune capaz de resistir ao veneno mais forte do Peixes... - mais uma vez pausei minha fala deixando um pouco do silêncio tomar conta. - Teria sido envenenamento, mesmo? - deixei que minha dúvida ficasse no ar enquanto faria uma comparação. - Se o Cavaleiro de Peixes é tão venenoso a ponto de ninguém possa toca-lo, presumo. Não há veneno na terra capaz de matar o Grande Mestre... Já que seu corpo suportava qualquer tipo de veneno por causa dos anticorpos... Não seria meio irônico ele morrer justamente de algo que tem proteção? - Enfim finalizei

De imediato não achei que minhas questões fosse besteira por isso deixei essa informação com o Mike, acreditando que assim ele teria mais cuidado e pensaria respeito, não quis falar nada sobre ele morrer entao apenas sorrir e segui caminhando, iria até o Cavaleiro de Unicórnio para seguir rumo a França procurar por algo.

 

Mensagens : 13

Ficha
VIDA:
500/500  (500/500)
COSMO:
500/500  (500/500)
Nível: 2

Pontos : 19

Ficha
VIDA:
500/500  (500/500)
COSMO:
500/500  (500/500)
Nível: 2

Data de inscrição : 05/09/2017

Ficha
VIDA:
500/500  (500/500)
COSMO:
500/500  (500/500)
Nível: 2

Idade : 21

Ficha
VIDA:
500/500  (500/500)
COSMO:
500/500  (500/500)
Nível: 2

Ver perfil do usuário
avatar
Cavaleiro de Bronze

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por The Saint em Qui Set 21, 2017 11:51 pm









EXP

Atualização



A qualidade dos posts de vocês sempre me surpreende!
Bom, avaliação!
Desconfiado de tudo e de todos, Hidra demonstrou mais uma vez seu intelecto e inteligência estratégica. Não simplesmente narrou bem, como fez uma ação muito boa! Nem sempre é necessário seguir o que os Dourados querem!
+400 de exp
Lince está sempre de acordo com a sua personalidade, e é incrível como ele consegue aliviar a tensão criada pela narração do Hidra. Uma boa dupla, pena que já se separaram.
+250 de exp



Made by Lexiel@Sugar Avatar& Aglomerado
Mensagens : 106

Ficha
VIDA:
100/100  (100/100)
COSMO:
100/100  (100/100)
Nível: 1

Pontos : 328

Ficha
VIDA:
100/100  (100/100)
COSMO:
100/100  (100/100)
Nível: 1

Data de inscrição : 25/12/2014

Ficha
VIDA:
100/100  (100/100)
COSMO:
100/100  (100/100)
Nível: 1

Ver perfil do usuário http://nclrpg.forumeiros.com
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem por Conteúdo patrocinado
Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum